Dicas

Como conseguir bolsa de estudo na PUC?

PUBLICIDADE

Atualmente, a PUC é uma das maiores instituições privadas de ensino superior no Brasil, sendo que seus cursos estão entre os melhores do país. Hoje, nem todos os cidadãos têm recursos suficientes para pagar a mensalidade, por isso, surge a dúvida de como conseguir uma bolsa de estudo na PUC.

Ciente dessa situação, a própria PUC visa oferecer algumas modalidades de bolsas para seus cursos de graduação, buscando facilitar para que mais pessoas tenham acesso a seus cursos, sempre capazes de pagar por seus estudos e conseguir um diploma.

Neste sentido, trouxemos para você algumas opções que podem te ajudar a conseguir uma bolsa de estudo na PUC. Dessa forma, além de conseguir estudar sem custo ou com custo parcial, você ainda poderá compreender melhor como funciona o processo de seleção da instituição. Confira abaixo.

Como conseguir uma bolsa de estudo na PUC?

Geralmente, a PUC não cobra um processo seletivo para candidatos aprovados através do Prouni. Entretanto, é necessário que o candidato apresente alguns documentos, para que a PUC avalie a sua condição. Entre os documentos, pode-se citar:

  • Comprovante de renda per capita familiar, que não pode ultrapassar um salário mínimo;
  • Certificado de conclusão do ensino médio em escola pública. Em caso do certificado de escolas particulares, é necessário apresentar a condição de bolsista;
  • Declaração de imposto de renda e/ou declaração de gastos.

Neste sentido, as vagas para bolsistas são definidas pelo Ministério da Educação, e se baseiam no curso e no turno, tendo como proporção é de uma bolsa de estudo na PUC para cada 9 estudantes que pagam a mensalidade.

Dessa forma, confirma algumas modalidades para conseguir uma bolsa de estudo na PUC:

Bolsa Complementar

A PUC é uma instituição filantrópica, com caráter religioso. Dessa forma, ela oferece bolsas integrais e parciais de até 50%. Para isso, os interessados devem estar regularmente matriculados e se inscrever no Edital quando divulgado, caso estejam nos critérios de seleção.

Dessa forma, a bolsa de estudo pode ser utilizada com o FIES, caso o aluno não consiga um financiamento integral, nem tenha condições de arcar com seus estudos. Além disso, é uma das melhores opções para quem não conseguiu uma bolsa de estudo na PUC pelo Fies ou Prouni.

Bolsa Monitoria

Essas vagas são oferecidas em todas as unidades da PUC. Por exemplo, a PUC-SP oferece 100 vagas para monitores. Geralmente, a regra é que apenas os alunos matriculados a partir do 3º período letivo podem participar do programa, recebendo uma remuneração correspondente ao equivalente em créditos de matérias, por hora-aula.

Para participar, o interessado deve procurar a secretaria de sua instituição e conferir demais informações. Como desvantagem, nessa opção, o aluno precisa cursar e concluir ao mesmo dois semestre para ter acesso a bolsa. Entretanto, a bolsa pode ser usada simultaneamente com outros benefícios.

Bolsa Mérito Acadêmico Integral

A Bolsa Mérito Acadêmico Integral depende da unidade para qual o interessado está se inscrevendo. Isso porque ela é oferecida como estímulo integral ao 1º classificado no Vestibular. Entretanto, para que ela seja renovada, o aluno precisa ter aprovação em pelo menos 75% das suas disciplinas cursadas. Sendo assim, ela é considerada uma das melhores bolsas de estudo na PUC e também uma motivação para motivar os interessados.

Bolsa Acordo Interno

A Bolsa Acordo Interno é destinada a professores, funcionários e seus dependentes, que desejam ter bolsas de estudo na PUC. Quem estiver interessado numa dessas bolsas, deve buscar mais informações com a PUC para conferir valores de descontos, e como fazer o requerimento.

Bolsa Mérito/Escola Pública

Diferente do que muitos pensam, a Bolsa Mérito/Escola Pública não é uma bolsa integral. Na verdade, ela oferece 50% de desconto, fornecida ao melhor classificado em cada curso que tenha estudado em escola pública. Inclusive, é necessário que o candidato comprove que estudou em escola pública nos últimos dois anos, com exigência mínima de 75% de aprovação nas disciplinas para a renovação da bolsa.

FIES (Financiamento Estudantil do MEC)

O FIES é bastante difundido nas universidades, e consiste em um financiamento com recursos provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, em parceria com o MEC. Em suma, o FIES funciona como um tipo de empréstimo com melhores condições que os empréstimos bancários convencionais, podendo financiar até 100% do seu curso.

Entretanto, após formado, é necessário que o aluno quite o financiamento. Dessa forma, para conferir outras informações sobre o FIES, o interessado deve acessar o portal do FIES através do site do MEC, ler a Portaria Normativa e fazer sua inscrição no site.

Sendo assim, durante o curso, o aluno deve renovar o contrato com a agência bancária responsável pelo seu financiamento, a cada seis meses. Para fazer esse acompanhamento de prazos, os alunos da PUC devem acompanhar as informações divulgadas pela instituição, pois o calendário de renovação também depende do cronograma de cada universidade.

Como vantagem, esse tipo de investimento permite que mais pessoas consigam bolsa de estudo na PUC. Porém, tem como desvantagem a necessidade de reorganização financeira após a conclusão do curso, afinal, em algum momento o aluno deverá quitar a dívida do financiamento.

Formado em marketing e publicidade, atua como redator, contando com suas habilidades para entregar conteúdos de valores e que venham agregar na sociedade.

Related Posts

1 of 25

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja como estudar enfermagem gratuitamente
Veja como estudar enfermagem gratuitamente

Aguarde…

0